Receita: Tabule de Quinua

receita-tabule-de-quinua

Já que o tema da última segunda-feira foi Quinua, vamos começar botar em prática seu uso?!

Ingredientes

½ xícara de chá de quinua em grão

1 xícara de chá de água

Sal a gosto

½ xícara de chá pepino japonês em cubinhos

½ xícara de chá de tomates sem pele e sementes em cubinhos

½ xícara de chá de cebola em cubinhos

1 colher de chá de hortelã picada

3 colheres de chá de salsa picada

1 colher de café de sal do himalaia ou sal marinho

1 colher de sopa de azeite de oliva

1 colher de chá de suco de limão

Preparo

Numa panela, coloque a quinua, a água e o sal. Deixe ferver por 10 minutos ou até que fique com uma textura macia. Escorra, lave em água corrente e deixe esfriar. Coloque a quinua numa travessa funda e misture com os outros ingredientes.

Benefícios da Quinua

Originado dos Andes, esse cereal começou a ser pesquisado no Brasil na década de 90 e vem atraindo cada vez mais consumidores!

A quinau é muito rica em nutrientes comparada aos outros cereais devido a sua composição nutricional e dentre os vários tipos de quinua a branca é a mais consumida.

quinua3

Sendo constituída principalmente por amido, a quinua também é rica em minerais (apresenta maiores quantidades em relação ao arroz e ao trigo), alto teor protéico e ácidos graxos essenciais.

Veja abaixo sua composição:

Fibras: Total – 8,9% (1,2% solúveis e 7,7% insolúveis).

Vitaminas: Complexo B (B1, B2 e B3), D e E.

Minerais: Potássio, cálcio, magnésio, fósforo, enxofre, ferro e zinco.

Seus Benefícios à saúde

  • Evita a anemia;
  • Auxilia no tratamento da desnutrição;
  • Combate a osteoporose;
  • Reduz o colesterol total, LDL e triglicerídeos;
  • Melhora funcionamento gastrointestinal;
  • Auxilia no processo inflamatório: artrite reumatóide, obesidade;
  • Favorece a perda de peso;
  • Melhora o sistema imune
  • Auxilia no desenvolvimento cognitivo e funções associadas à memória e à aprendizagem.

Pode ser consumido em saladas, bolinhos com legumes ou até mesmo susbstituir o arroz. Seus flocos podem acompanhar frutas, sucos, vitaminas e saladas de fruta no café da manhã. Já a sua farinha pode ser base em elaborações como tortas, bolos, pães e massas.

Pessoas que podem se beneficiar do uso:

  • Vegetarianos restritos: por não consumirem carne, leite e derivados – grandes fontes protéicas;
  • Atletas: por necessitarem de um maior consumo de aminoácidos;
  • Celíacos: por serem intolerantes ao glúten – presente no trigo.

Até a próxima!

Receita: MINGAU DE QUINOA

Olha que delícia e nutritivo!!!

morango

A quinoa é um grão de altíssimo valor nutricional. Rico em proteínas, fibras, vitaminas, minerais e antioxidantes.

As bebida vegetal é isenta de lactose e proteínas do leite, possuem baixo teor de gordura saturada e substituem o leite em qualquer preparação!

Ótima opção para um pré-treino ou café da manhã!!!

Ingredientes:

1 xícara (chá) de quinoa em flocos

2 xícaras (chá) de bebida vegetal de arroz

1 colher (sopa) de açúcar demorara

1 colher (café) de essência de baunilha

1 xícara (chá) de morangos picados (podem ser substituídos pela fruta que você desejar)

Canela em pó a gosto

Modo de preparo:

Em uma panela, misture a quinoa em flocos com a bebida de arroz, mexendo, por cerca de 10 minutos. Adicione o açúcar demerara, a canela e a essência de baunilha e cozinhe por mais 5 minutos. Misture os morangos, salpique canela em pó e consuma em seguida.

Rendimento: duas porções

Valor calórico aproximado: 300 kcal por porção

Fonte: http://www.mundoverde.com.br

10 sinais de que você tem uma relação saudável com a comida

Durante as últimas décadas, ocorreram várias alterações nos padrões de beleza estabelecidos. Todos que não se encaixam nesse padrão são considerados impulsivos, com falta de controle sobre si mesmos, enquanto o corpo magro é um testemunho do poder de autodisciplina, um exemplo de domínio da mente sobre o corpo.

Diante dessa realidade, a relação com o alimento se tornou uma guerra. Alguns são intitulados como perigosos para a saúde humana, enquanto outros são milagrosos.

Vamos observar abaixo algumas dicas de como ter uma relação saudável com os alimentos?

1 -) Você come alimentos saudáveis?

Opte por alimentos saudáveis e dê preferência aos orgânicos! Lembre-se sempre de que quanto mais natural for o produto, menos substâncias tóxicas ele carrega. Evite alimentos processados que são ricos em gorduras, aditivos e corantes.

2 -) Você compra alimentos de que gosta?

Siga uma alimentação saudável, mas sempre se deixe guiar pela sua intuição. Alimentos que atraem você farão com que você tenha mais prazer em sua refeição e com isso esses hábitos saudáveis serão duradouros.

3 -) Você se alimenta em ambientes calmos?

A alimentação é uma ação que não pode ser involuntária, você precisa perceber o que está comendo e prestar atenção na quantidade que está comendo. Evite fazer as refeições assistindo TV ou mexendo no computador. O foco agora é o alimento!

4 -) Você mastiga corretamente a sua refeição?

Mastigue bem a sua refeição e coma devagar para aproveitar esse momento e auxiliar no processo de saciedade. O seu corpo possui um tempo para mandar a mensagem de saciedade para o seu cérebro. Se você come muito rápido, sempre consumirá mais do o seu corpo realmente precisa.

5 -) Você come com alegria?

Faça desse momento uma relação entre alegria e prazer. Escolha alimentos saudáveis não por obrigação, e sim por qualidade de vida. Não se frustre por essa realidade e se divirta.

6 -) Você cuida do seu corpo?

A alimentação tem reflexo direto na sua imagem, mas, além disso, outros fatores influenciam em seu corpo.

Mesmo tendo uma alimentação saudável, algumas vezes você não consegue suprir todas as suas necessidades com a alimentação. Unhas fracas, cabelos sem brilho e pele com aspecto feio podem ter relação direta com a falta de vitaminas e minerais. Uma suplementação com um complexo vitamínico pode ser muito bem aproveitada para minimizar esses sintomas.

7 -) Você busca a perfeição?

Não conseguimos ser perfeitos em todos os âmbitos. Não faça julgamentos prévios e não se cobre demais. Isso pode gerar frustração e repulsa contra esse tipo de hábito.

8 -) Você observa os sinais que o seu corpo dá?

Muitas vezes o nosso corpo dá sinais de que as coisas não andam bem e nós não sabemos interpretar essas mensagens. Se você se alimenta corretamente, fornece as ferramentas para seu corpo funcionar melhor. Utilize suplementos que complementem a sua alimentação – sempre orientado por uma nutricionista – Isso trará benefícios ainda maiores.

9 -) Você possui uma relação de amor com a comida?

Deixe sua relação com a comida ser um momento de prazer. Desapegue-se do julgamento e aprecie o alimento que você consome.

10 -) Você se permite?

Por último, mas não menos importante, está um ponto de que muitos se esquecem. Você, como já foi citado acima, não é perfeito, então se permita alguns deslizes. Mantenha o foco, mas não se exclua de momentos nos quais a comida se torna algo agradável, como festas e confraternizações.

Fonte: http://www.mundoverde.com.br

Pycnogenol

Já ouviram falar em Pycnogenol?

Sendo considerado um poderoso agente no combate aos radicais livres essa substância pode ser manipulado por um médico ou nutricionista.

Vejam abaixo algumas de suas propriedades:

  • Ações anti-inflamatórias, antioxidantes e antimelanogênicas: eficazes no tratamento e na prevenção de melasmas;
  • Combate os radicais livres que danificam as estruturas de colágeno.
  • Aumenta a firmeza e elasticidade da pele, além de retardar o processo de envelhecimento.
  • Tem efeito fotoprotetor;
  • Estimulação o clareamento de pigmentações como manchas de gravidez;
  • Melhora da circulação dos membros inferiores

Um estudo realizado em 30 mulheres com melasma demonstrou que a suplementação oral de 25 mg de pycnogenol 3 vezes ao dia, por um mês, reduziu em 80% o tamanho e a intensidade da área de hiperpigmentação da pele, mostrando ser uma terapêutica muito eficaz e segura em mulheres com melasma.

Benefícios da Romã

Você sabia que a romã é considerada um dos melhores alimentos funcionais?

673868472_883

Beneficiando tanto a estética quanto a saúde, essa fruta de poucas calorias apresenta uma gama de nutrientes como vitamina A, vitamina B9, ferro, cálcio, ácido elágico, ácido gálico e protocatequínico. Mas qual é a função destas substâncias?

O ácido elágico é um poderoso antioxidante, muito eficaz no combate aos radicais livres. Auxilia na prevenção da obesidade e de diversos tipos de câncer. Favorece a proteção das paredes das artérias, reduzindo as ocorrência de distúrbios cardiovasculares, como infarto e AVC;
O ácido gálico e protocatequínico impedem que moléculas responsáveis por danificarem as estruturas das células possam causar câncer (segundo um estudo realizado pela USP).

Outros Benefícios:

• Reduz os sintomas desagradáveis da menopausa: o chá obtido da casca da romã possui ação similar ao estrogênio;

• Equilibra a flora vaginal: atua no desequilíbrio da flora, prevenindo candidíase e corrimentos vaginais;

• Auxilia na redução da glicemia: inibe uma enzima, diminuindo a absorção da glicose;

• Previne doenças cardiovasculares e reduz a presssão arterial;

• Melhora a circulação reduzindo a celulite. E ainda pode suavizar manchas de pele como melasmas.

• Possui betasitosterol (fitoquímico) que ajuda a diminuir os efeitos do cortisol, hormônio que provoca gordura abdominal.

• É anti-fúngico, ótimo para quem tem candidíase.

• Ação antioxidante: é capaz de neutralizar quase duas vezes mais radicais livres que o da casca de uva, e sete vezes mais que o chá verde.

Como consumir?
• Pode comê-la fresca e crua;
• Suco;
• Polvilhe as sementes da romã numa salada;
• Use um pouco de sumo de romã na salada;

E aí? Convencidos? Pode correr já para comprar a sua! ;)

Até a próxima!

Receita: Doce de Banana com Aveia e Nozes

Ingredientes:

6 bananas-d’água, de preferência orgânicas

4 colheres (sopa) de aveia em flocos finos

4 colheres (sopa) de nozes trituradas

1 colher (chá) de açúcar mascavo

1 colher (café) de canela em pó

peeled-banana

Modo de Preparo:
Em uma panela, aqueça o açúcar mascavo, adicione as bananas cortadas em rodelas e deixe cozinhar, mexendo sempre. Desligue o fogo e misture suavemente a aveia, as nozes e a canela.

Rendimento: 4 porções

Valor calórico por porção: 109 calorias

Fonte: http://www.mundoverde.com.br

CoQ10

A ubiquinona (coenzima Q10) é uma substância antioxidante presente na maioria das células do organismo cuja função é participar dos processos de produção de energia e neutralizar a ação dos radicais livres.
Sua concentração é maior em orgãos que necessitam de uma demanda energética maior como o coração, cérebro, rins e fígado.

Por ser sintetizada pelo organismo, conforme envelhecemos, a produção de CoQ 10 vai sendo reduzida, sendo assim a sua suplementarão acaba evitando possíveis deficiências.

Mas quais são os sintomas desta deficiência?

Fadiga generalizada, fraqueza muscular, entre outros….
Os fatores que contribuem para a redução da produção desse nutriente em quantidades adequadas são o envelhecimento, maus hábitos alimentares, fármacos como estatinas, hipotiroidismo e outros.

Quais os benefícios da suplementarão de CoQ10:

• Possui um possível efeito ergogênico (ganho de massa muscular) e aumento da potência aeróbia. No caso de atletas, seu uso como antioxidante é fundamental;

• Estimula o crescimento celular e evita a morte das células

• Previne estresse oxidativo e dano neuronal (ótimo para disfunções cognitivas);

• Diminui progressão da doença de Parkinson em pessoas no estágio inicial;

• Ajuda a prevenir o envelhecimento da pele e rugas;

• Diminui a pressão arterial e a formação de placas de ateroma, oferecendo proteção ao miocárdio (músculo cardíaco) durante e após cirurgias cardíacas.
Seu uso é bem comum no tratamento de doenças cardiovasculares.

Agora já sabe, capriche na coq1o! Através de alimentos como: sardinha e produtos de origem vegetal como, nozes, abacate e folhas verdes-escuras ou de suplementos.

Procure sempre um nutricionista para rever sua alimentação e suas possíveis deficiências.

Ácido Alfa-Lipóico

O ácido alfa-lipóico é um poderoso antioxidante produzido em nosso organismo pelo fígado e que também pode ser obtido através da dieta (porém em menores concentrações) pelo consumo de alimentos como carnes, vegetais verde-escuros, tomate e farelo de arroz.

Uma de suas propriedades importantes é sua capacidade de aumentar a formação de glutationa (antioxidante que auxilia a eliminação de substâncias ruins para o organismo).

O que acontece é que com o envelhecimento, o organismo passa a produzir menos dessa substância, é aí que entra a suplementação.

Abaixo alguns de seus benefícios:

• Doenças neuro-degenerativas: retardando o avanço de doenças como o mal de Alzheimer e de Parkinson devido a sua proteção sobre os neurônios e seu combate ao estresse oxidativo causado pelos radicais livres.

• Prevenção de doenças como câncer, diabetes mellitus tipo 2 e doenças cardiovasculares

• A substância também tem efeitos maravilhosos na suplementarão esportiva.
Ela minimiza o grau da lesão gerada durante o treino, favorecendo a recuperação muscular, regenerando as células e evitando a perda muscular após os treinos.

• Um estudo também mostrou que o uso de ácido lipóico resultou em melhora das condições gerais do organismo e da performance muscular. Os resultados indicaram que o tratamento aumentou os níveis de energia disponível no cérebro e no músculo esquelético durante o exercício.

Fruta da Estação: Morango

Quem não gosta de um morango?!

A fruta típica do inverno que é rica em vitamina C apresenta inúmeros benefícios à saúde. Mas não se esqueça: morango, sempre orgânico! Pois é uma fruta muito contaminada por agrotóxicos, ok?

morango-3

Alguns dos seus benefícios:

– Evita a retenção de líquidos: seu teor de potássio regula a quantidade de sódio (micronutriente responsável por reter água em nosso organismo);

– Mantém a pele saudável: seu poder antioxidante combate os radicais livres que danificam as células, e que consequentemente causam o envelhecimento da pele;

– Possui uma substancia chamada antocianina – que dá a coloração vermelha à fruta e faz com que o morango seja classificado como um alimento funcional por auxiliar na prevenção de doenças cardiovasculares e câncer;

– Por ser uma fonte rica em ácido fólico (nutriente indispensável durante a gestação), o consumo do morango favorece a multiplicação celular evitando malformações no feto;

– Estimula a circulação sanguínea;

– Altamente diurético: por ter 90 % de água em sua composição;

– Auxilia na redução do colesterol e evita a prisão de ventre.