Fruta da Estação: Morango

Quem não gosta de um morango?!

A fruta típica do inverno que é rica em vitamina C apresenta inúmeros benefícios à saúde. Mas não se esqueça: morango, sempre orgânico! Pois é uma fruta muito contaminada por agrotóxicos, ok?

morango-3

Alguns dos seus benefícios:

– Evita a retenção de líquidos: seu teor de potássio regula a quantidade de sódio (micronutriente responsável por reter água em nosso organismo);

– Mantém a pele saudável: seu poder antioxidante combate os radicais livres que danificam as células, e que consequentemente causam o envelhecimento da pele;

– Possui uma substancia chamada antocianina – que dá a coloração vermelha à fruta e faz com que o morango seja classificado como um alimento funcional por auxiliar na prevenção de doenças cardiovasculares e câncer;

– Por ser uma fonte rica em ácido fólico (nutriente indispensável durante a gestação), o consumo do morango favorece a multiplicação celular evitando malformações no feto;

– Estimula a circulação sanguínea;

– Altamente diurético: por ter 90 % de água em sua composição;

– Auxilia na redução do colesterol e evita a prisão de ventre.

Anúncios

Quercetina: um poderoso antioxidante

A quercetina é classificada como um flavonóide com ação antioxidante, combatendo os radicais livres que fazem tanto mal a nossa saúde.

quercetina

Algumas de suas fontes são: cebola roxa, maçã, chá verde, romã, brócolis, acelga e uva. Suas propriedades são ativas principalmente nesses alimentos crus ou pouco cozidos.

Alguns de seus benefícios:

– Reduz a formação de radicais livres de modo a combater as causas do envelhecimento e aumentar a longevidade;
– Fortalece o sistema imunológico reduzindo os processos alérgicos e as doenças pulmonares associadas (ação antibacteriana, antiviral e anti-inflamatória);
– Protege a função cerebral, melhora e estimula o desempenho mental, além de prevenir doenças degenerativas como Alzheimer;
– Mantém os níveis de colesterol saudáveis;
– Melhora a condição cardiovascular;
– Protege o DNA, impedindo a mutação celular e afastando as chances de câncer.

Estudos mostraram que a quercetina apresentou mais eficiência q a vitamina C contra a formação de células do câncer.

Pele bonita e saudável através da alimentação

Estamos cada vez mais preocupados com a estética. São inúmeras as tecnologias que visam manter a beleza de maneira rápida e eficaz.

pele

Mas já sabemos que os métodos estéticos podem não apresentar resultados tão significativos se não estiverem associados a uma dieta equilibrada e balanceada. A beleza deve ser conquistada de dentro pra fora, sempre!
De nada adianta se cuidar por fora, se tiver hábitos alimentares errados que agridem e desequilibram o seu organismo por dentro, não é mesmo?
Com o objetivo de manter uma pele sempre saudável, reunimos uma lista de alimentos que contribuem de maneira a prevenir ou amenizar alguns problemas:

Acne – Cenoura, mamão, pimentão, tomate, frutas cítricas, abóbora, carnes, peixes, aves, gérmen de trigo.
Manchas na pele – Soja e derivados, hortaliças verde-escuras, frutas cítricas, óleos vegetais.
Flacidez – Arroz, pães e massas integrais, abacate, abóbora, frutas vermelhas.
Pele seca – Soja, amêndoa, feijão, lentilha, grão-de-bico, nozes, castanha-do-Pará, linhaça, laranja, morango, limão, acerola.
Celulite – Azeite de oliva, algas marinhas, castanha-do-Pará, soja, aveia, frutas cítricas, água.
Olheiras – Folhas verdes, sementes, suco de clorofila, chá verde, semente de linhaça.

Agora é só abusar deste alimentos saudáveis!!

Até mais!

Alimentos ácidos = Inflamação

Vocês sabiam que a maioria das doenças e desequilíbrios começam como uma inflamação?

É esta inflamação silenciosa, invisível aos olhos,  que está intimamente envolvida na gênese de várias doenças cada vez mais comuns na vida moderna, como aterosclerose, infarto, derrame, diabetes, hipertensão, Alzheimer, alguns tipos de Câncer, envelhecimento precoce e obesidade.

Se você se sente muito cansaço , dores de cabeça e tem dificuldade para perder peso, reveja sua alimentação, ela pode estar por trás destes sintomas. A alimentação pode causar uma carga ácida ao organismo, causando inflamação e todas as consequências que vimos acima. Já os saudáveis possuem uma carga alcalina, ideal para uma boa detoxificaçã0.

Se você quer ter uma alimentação saudável veja o que incluir e evitar no seu cardápio diário.

Abaixo duas tabelas, uma delas compartilhei no meu Instagram ontem (@carolvianamarques).

Para visualizar melhor a imagem, clicar em cima.

foto (7)

tabela-alimentos-acido-e-base3

 

Blueberry para memória

Ontem comprei mirtilos congelados,  conhecido também como blueberry. Vocês conhecem seus benefícios?

mirtilos

O mirtilo contém antioxidantes como os flavonóides, antocianinas e resveratrol, que combatem os radicais livres e  ajudam na memória. O excesso de radicais livre causa envelhecimento precoce e aparecimento de diversas doenças.

Estudos relacionam o consumo de mirtilo com diminuição do risco de Alzheimer.

Além de sua ação antioxidante, a ingestão de blueberry mantém a pressão arterial saudável,  reduz o colesterol e ajuda a manter os níveis de glicose baixos.

Uma sugestão é usar a congelada, em shakes! Com banana fica uma delícia!

Aqui,  o meu shake com mirtilos congelados!

foto (4)

 

Romã contra Alzheimer

Especialistas da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, da USP,  descobriram que o potencial da romã está na sua casca. Ela concentra compostos bioativos capazes de inibir a enzima causadora da degradação da acetilcolina, neurotransmissor decisivo nas funções cognitivas, como a retenção da memória.

roma-contra-alzheimer-m

Níveis baixos desse mensageiro químico estão associados, por sua vez, à doença de Alzheimer.  A camada externa da romã também atua na proteção ao cérebro de maneira geral, evitando as reações de oxidação comuns no processo de envelhecimento. No quesito combate aos radicais livres, aliás, a superfície da fruta ganha disparado de sua polpa, com capacidade antioxidante 85 vezes maior. Ela ainda sai na frente de diversas outras fontes famosas por anular substâncias tóxicas, como mirtilo, morango, vinho tinto e chá-verde.

Fonte: http://www.saude.abril.com.br

A Famosa “Detox”

detox-300x163

Destoxificação consiste no processo realizado por um organismo visando a eliminação de determinadas toxinas, também conhecidas como xenobióticos. Neste processo, tais substâncias, que não são passíveis de excreção, sofrem alterações na sua estrutura química que possibilitam a sua eliminação do organismo por meio das fezes ou urina.

Desta forma, a dieta de destoxificação tem como objetivo dar suporte necessário para os sistemas de destoxificação naturais do organismo, através da restrição de alimentos possivelmente alergênicos, industrializados e com grandes quantidades de aditivos químicos, substituindo pelo consumo de alimentos  que apresentam propriedades que estimulam as vias de destoxificação, em conjunto com a utilização de uma suplementação específica para esse período.

O termo ‘dieta detox’ é muito falado, sendo por diversas vezes, utilizado erroneamente. Recentemente, em um programa de televisão de grande impacto, foi dado um exemplo de dieta de destoxificação, o qual incluiu torradas, queijo branco e iogurte. Também, foi citado que a indicação para esta dieta varia de acordo com o exagero alimentar ou alcoólico que o indivíduo cometeu, podendo ter duração de um dia ou semanas.

A verdadeira dieta de destoxificação vai muito além da correção de exageros alimentares ou alcoólicos. Podendo podendo ter duração de seis, quinze, vinte e um ou trinta dias, a dieta tem como base a remoção de toxinas e a eliminação de anti-nutrientes da dieta como gorduras trans, farinha branca, açúcar, cafeína, corantes, aromatizantes, preservantes, glutamato monossódico e adoçantes artificiais. Alimentos com potencial alergênico elevado, como leite, laticínios, soja e glúten, e aqueles que contêm grandes quantidades de aditivos químicos, como industrializados, enlatados e embutidos (frios, salsicha, linguiça, defumados e conservas) também são restringidos da dieta, bem como carnes assadas em carvão, bebidas alcoólicas, sucos industrializados e refrigerantes.

A suplementação nutricional para o período compreende em diversas vitaminas e minerais que estimulam o sistema de eliminação desses xenobióticos, com a finalidade de prover ao organismo os nutrientes necessários para que o indivíduo exerça suas atividades habituais.

Todavia, é de extrema importância frisar que o plano alimentar destoxificante é traçado por profissional capacitado, que, de acordo com a individualidade bioquímica de cada um, irá apresentar quais são os alimentos específicos que poderão ser consumidos, bem como os dias de duração da dieta. A reintrodução dos alimentos excluídos, principalmente os alergênicos, deve ser feita com cautela e sob supervisão, uma vez que o organismo fica extremamente sensível aos mesmos após a dieta.

Texto retirado do site: http://www.vponline.com.br

 

Receita: Polpa de Açaí

Além de nutritiva, a receita contém antioxidantes, que combatem o envelhecimento da pele.

– 1 polpa de açaí sem açúcar e guaraná. Gosto da marca Icefruit.

phoca_thumb_l_icefruit-polpa-de-acai-medio
– 6 morangos
– 2 folhas de hortelã
– ½  xícara de chá de água
– 1 xícara de café de chá verde

Quer saber mais sobre o açaí ? Veja o link abaixo.

https://carolinavianamarques.com/2012/01/24/376/

A Alimentação Caseira pode ser saudável ?

Vamos as últimas dicas?

Para ver a primeira e segunda parte, clique abaixo.

https://carolinavianamarques.com/2013/03/26/1050/

https://carolinavianamarques.com/2013/03/27/a-alimentacao-caseira-pode-ser-saudavel/

tempero  milanesa

Frango

Um erro comum é prepará-lo com a pele. Essa parte do alimento concentra muita gordura e colesterol. Portanto, retire-a antes de mandar o frango para o fogão.

Bife à milanesa

Tire a gordura aparente da carne. Use apenas a clara do ovo para empanar. Nesse processo, também dá para empregar farinha de aveia para aumentar a quantidade de fibras. Em vez de fritar, asse: coloque o bife em uma assadeira levemente untada. Borrife um pouco de azeite por cima. No início do cozimento, cubra com papel-alumínio para não ressecar. Quando a carne estiver pronta, retire o papel para ela corar e ficar crocante.

Fonte: Revista Saúde