Água aromatizada

Uma ótima dica para o verão é a água aromatizada naturalmente, que você pode fazer em casa (a versão industrializada tem muito conservante). O legal é que dá para combinar os ingredientes de várias formas, criando diversos sabores: com ervas, frutas, vegetais, especiarias… É muito mais leve que suco, mais apetitosa que água e você pode fazer com ou sem gás. Sem contar que funciona como um jeito simples e rápido de dar um toque bacana à mesa. Receitinha abaixo.

Imagem

Ingredientes

  • 400 ml de água
  • 1 ramo de hortelã (metade macerado)
  • 2 fatias de gengibre maceradas
  • suco de 1 limão

Modo de preparo

Misture todos os ingredientes e adicione bastante gelo. Beba ao longo do dia.

Dicas para fazer a sua água aromatizada

  • Sempre utilize água filtrada ou mineral bem gelada. Você também pode adicionar alguns cubinhos de gelo.
  • Dá para fazer um mix ao aromatizar a água: rodelas de limão, laranja, estrelinhas de carambola ou sementes de romã misturadas com 2 ou mais galhinhos da erva de sua preferência (hortelã, alecrim, manjericão, capim limão).
  • Para acentuar o sabor da fruta, esprema um pouco de suco e misture com a água.
  • Deixe a mistura descansar por cerca de 1 hora para acentuar o sabor.
  • Pode usar cascas em espirais para decorar.
  • Experimente utilizar especiarias como gengibre, cravo, anis-estrelado ou canela em pau.
  • Dá para colocar pedacinhos de ervas ou especiarias dentro da água que vai fazer o gelo, combinando com o sabor que escolheu.

Fonte: http://www.suacorrida.com.br

Anúncios

Como está sua memória concentração?

Quando a memória começa a falhar pode ser um sinal de que seu cérebro precisa de mais atenção, ou melhor, de nutrientes! A falha de memória pode estar ligada ao aumento de cortisol (hormônio do estresse) que interfere na produção de células neuronais, prejudicando a memória. Uma alimentação mais saudável, cheia de nutrientes pode ajudar muito no processo.

Imagem

Prefira os carboidratos “do bem”. Carboidratos são importantes, pois são energia para o corpo e cérebro. Mas é importante que eles sejam ricos em fibras, estes se transformam em glicose lentamente – os refinados geram energia de uma só vez e depois sofrem uma queda dando uma sensação de moleza e sonolência. Invista em pães integrais, assim como arroz integral, quinoa e aveia.

O açafrão da terra é um excelente aliado para a memória. Ele inibe a morte de neurônios e ajudar a formação de novos. Procure usar uma colher de chá por dia no arroz integral.

Uma planta utilizada na medicina chinesa , o Ginseng é capaz de aumentar uma substância no seu cérebro chamada dopamina, que te deixa mais alerta. O ideal é consumir no suco da manhã.

A colina, encontrada na gema do ovo, participa da formação de novas células cerebrais e é fundamental para a síntese de acetilcolina – neurotransmissor cerebral essencial na prevenção de degeneração cerebral.

As nozes e castanhas, ricas em zinco, ajudam na formação de novos neurônios. 

O Ômega 3 auxilia no desenvolvimento do cérebro já que participa da formação de novos neurônios. Ele está presente na linhaça e nos peixes de água fria e profunda e na semente de chia.  

Mas e os alimentos que devem ser evitados para não prejudicar ainda mais a memória?! Anotem!

Cafeína, açúcar e gorduras. Uma dieta rica em gordura saturada interrompe a cognição e contribui para doenças neurodegenerativas, podendo prejudicar aprendizado e a memória.

Sua memória agradece! ;)